Bahia inicia preparação para confronto com o Santa Cruz de Natal

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia Depois de vencer o Altos, do Piauí, pela quinta rodada da Copa do Nordeste, o  elenco do Bahia se reapresentou na tarde desta segunda-feira (4), quinto dia do Carnaval de Salvador, no Fazendão. Agora o Esquadrão volta as suas atenções para seu próximo desafio, que será pela segunda fase … Leia Mais


Fora de casa, Bahia empata com o Fortaleza pela Copa do Nordeste

Foto: Futura Press/Folhapress O Bahia vencia o Fortaleza de virada por 2 a 1 até os 44 da segunda etapa, mas viu o clube cearense empatar com Quintero, neste domingo (24), na Arena Castelão, pela 4ª rodada da Copa do Nordeste. Júnior Santos fez o primeiro dos donos da casa. O Esquadrão marcou com Ramires … Leia Mais


Bahia supera o Vitória da Conquista e assume liderança do Baianão

O Bahia é o novo líder da primeira fase do Campeonato Baiano. Na noite deste domingo (17), a equipe tricolor venceu o Vitória da Conquista por 3 a 1 no estádio Lomanto Júnior, pela sexta rodada do estadual. Iago, Nilton e Silvio (contra) marcaram para o Esquadrão de Aço, enquanto Patuta diminuiu a favor do … Leia Mais



Vitória perde do Moto Club e está eliminado da Copa do Brasil

Foto: Lucas Almeida/Futura Press/Folhapress Até esta quarta-feira (13), vinha tudo sob algum controle no ano do Vitória: time seguia invicto, com três triunfos e cinco empates e classificação encaminhada nos torneios que disputa. Até esta quarta-feira. Justamente na competição mais importante deste início de ano, o Vitória passou por uma eliminação vexatória: perdeu para o Moto … Leia Mais


Bahia quebra jejum no Baianão e bate o Jacobina por 3 a 0


Bahia quebra jejum no Baianão e bate o Jacobina por 3 a 0

Foto: ATarde

Em jogo válido pela quinta rodada do Campeonato Baiano, o Bahia espantou a sequência negativa de quatro partidas sem triunfos e venceu o Jacobina na tarde deste domingo (10) por 3 a 0, na Arena Fonte Nova. O zagueiro Ernando e o meia Shaylon (duas vezes) marcaram os gols do Esquadrão de Aço. Com o resultado, o Tricolor vai aos oito pontos e se aproxima dos líderes da competição estadual. Na próxima quarta-feira (13), a equipe comandada por Enderson Moreira faz a sua estreia na Copa do Brasil contra o Rio Branco, no Acre, às 22h30 (horário de Salvador).

FICHA TÉCNICA
Bahia 3 x 0 Jacobina
Campeonato Baiano – 5ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 10/02/2019 (domingo)
Horário: 16h (horário de Salvador)
Árbitro: Diego Pombo Lopez
Assistentes: Alessandro Matos e Daniella Coutinho Pinto// Cartões amarelos: Nilton (Bahia) / Kaefer (Jacobina)// Gols: Ernando e Shaylon (duas vezes) (Bahia)// Bahia: Douglas, Flávio, Xandão, Ernando e Paulinho; Nilton e Douglas Augusto (Gregore); Élber, Shaylon e Rogério (Artur); Caíque (Gilberto). Técnico: Enderson Moreira. // Jacobina: João Paulo; Adriano (Flávio), Anderson, Helbert e Ninho (Menso); Kaefer, Tiago Carnaíba, Isaak (Iago) e Guga; Matheus Souza e Jeam. Técnico: Paulo Sales.


Bahia de Feira e Vitória empatam e seguem no topo da tabela do Baianão


Bahia de Feira e Vitória empatam e seguem no topo da tabela do Baianão

Tudo igual na Arena Cajueiro, em Feira de Santana. Bahia de Feira e Vitória ficaram no empate por 2 a 2, neste domingo (10), válido pela quinta rodada do Campeonato Baiano. O Tremendão saiu na frente com Deon no primeiro tempo, mas Bruno Bispo igualou na etapa final. O Leão chegou a virar, em gol marcado por Wellison, mas os donos da casa empataram após gol contra de Bruno Bispo. Agora, o Vitória foca suas atenções na Copa do Brasil. O time rubro-negro encara o Moto Club, quarta-feira (13), às 21h15 (horário local), no Castelão. Já o Bahia de Feira volta a campo no próximo domingo (17), às 16h, contra o Atlético de Alagoinhas, no Carneirão, válido pela sexta rodada do Campeonato Baiano.

FICHA TÉCNICA
Campeonato Baiano
Bahia de Feira 2 x 2 Vitória
Campeonato Baiano – 5ª rodada
Local: Arena Cajueiro, em Feira de Santana
Data: 10/02/2019 (domingo)
Horário: 16h (de Salvador)
Árbitro: Bruno Pereira Vasconcelos (BA)
Assistentes: Paulo de Tarso Bregalda Gussen (BA) e Marcus Vinícius Ferreira (BA)
Cartões amarelos: Vitinho, Bruninho, Alex Cazumba (Bahia de Feira); Bruno Bispo, Cléber, Léo Gomes e Arroyo (Vitória)
Cartão vermelho: Cleber (Vitória)
Gols: Deon e Bruno Bispo (contra)  (Bahia de Feira); Bruno Bispo e Wellison (Vitória)

Bahia de Feira: Jair, Van, Paulo Paraíba, Menezes e Alex Cazumba; Capone Edimar, Bispo (Bruninho), Jarbas (Lucas Mineiro) e Vitinho (Ebinho) ; Deon. Técnico:Quintino Barbosa.//Vitória: Caíque; Welison, Gabriel, Bruno Bispo e Arroyo;  Léo Gomes, Wesley e Juninho (Léo Ceará); Nickson (Rodrigo Andrade), Luan Ferreira (Yago) e Cleber. Técnico: Marcelo Chamusca.


Volante do Bahia de Feira comenta fase artilheira no clube e confronto contra Vitória


Volante do Bahia de Feira comenta fase artilheira no clube e confronto contra Vitória

Foto: Divulgação / Bahia de Feira

O Bahia de Feira encara o Vitória no encontro de líderes do Campeonato Baiano. A partida acontece neste domingo (10), às 16h, na Arena Cajueiro, pela 5ª rodada da competição. O volante Jarbas comentou a preparação do clube, que teve a semana cheia para trabalhar, e a expectativa para o jogo. “Trabalhamos firme. Tivemos essa semana para nos preparar, após o empate com o Jacobina, que teve um gosto de derrota. Agora a cabeça é no Vitória. Esperamos fazer um bom jogo”, afirmou em entrevista ao Bahia Notícias. Remanescente do elenco que estava em 2018, o volante é um dos destaques da competição. Em quatro jogos, Jarbas marcou três gols. O artilheiro do certame é João Neto, do Atlético de Alagoinhas, com cinco. “Desde o ano passado venho atuando como volante. O professor sempre pede para entrar mais na área, estou sendo feliz, fazendo gols para ajudar a equipe. Ficou a base da equipe, chegaram mais reforços, e o trabalho tem sido feito”, salientou. Com dez pontos, Bahia de Feira e Vitória dividem a liderança da competição. O Tremendão leva vantagem por ter um gol marcado a mais que o Leão. (Bahia Notícias)





Liverpool surpreende e derrota o Bahia na Fonte Nova


Liverpool surpreende e derrota o Bahia na Fonte Nova

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

A zebra passeou pela Fonte Nova. Na noite desta quinta-feira, o Liverpool surpreendeu o Bahia e abriu vantagem no duelo válido pela fase inicial da Copa Sul-Americana. O único gol do jogo saiu através de Ramírez. Com o placar, o time uruguaio pode jogar por um simples empate. Já o Tricolor tem que vencer por dois gols de diferença. O Bahia tinha muito mais qualidade técnica do que o Liverpool, do Uruguai, mas acabou sendo surpreendido pelo adversário. O nervosismo na hora de balançar as redes atrapalhou o Tricolor e no cochilo da defesa a equipe uruguaia marcou o gol do triunfo aos 35 minutos no segundo tempo e venceu a partida por 1 a 0, em plena Arena Fonte Nova, pelo jogo de ida da primeira fase da Copa Sul-Americana. Ramírez foi o autor do tento da vitória gringa. As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 21, uma outra quinta-feira, a partir das 19h15 já sem horário de verão, em Belvedere, no Uruguai, para definir a classificação para a segunda fase da Sul-Americana. O gol fora de casa é critério de desempate, com isso a repetição do 1 a 0, mas favorável ao Tricolor leva a decisão para os pênaltis. O triunfo por um de diferença a partir de 2 a 1 garante a vaga ao time baiano.

FICHA TÉCNICA
Bahia 0x1 Liverpool-URU
Copa Sul-Americana – 1ª fase (jogo de ida)
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 07/02/2019 (quinta-feira)
Horário: 18h15 (horário de Salvador)
Árbitro: Jesús Valenzuela (VEN)
Assistentes: Carlos López e Tulio Moreno (VEN)

Cartões amarelos: Lucas Fonseca, Gregore (Bahia) / Bava (Liverpool-URU)

Gol: Ramírez (Liverpool-URU)

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Jackson, Lucas Fonseca e Moisés (Paulinho); Douglas e Gregore; Artur, Guilherme (Fernandão) e Shaylon (Rogério); Gilberto. Técnico: Enderson Moreira.

Liverpool-URU: Bava; Jean Rosso, Rivas, González, Makuka e Nuñez; Bajter, Ocampo (Caballero) e Frederico Martinez; Figueredo (Olivera) e Franco (Ramírez). Técnico: Paulo Pezzolano.


Com erro de arbitragem, Juazeirense empata com o Vasco e dá adeus à Copa do Brasil


Com erro de arbitragem, Juazeirense empata com o Vasco e dá adeus à Copa do Brasil

Foto: Reprodução / TV Globo

A Juazeirense esteve próxima da classificação para a 2ª fase da Copa do Brasil, na noite desta quarta-feira (6), no Estádio Adauto Moraes. O Cancão de Fogo vencia o Vasco por 2 a 1, até os 46 minutos da segunda etapa, quando o árbitro Rafael Traci marcou um pênalti duvidoso para o clube carioca, que empatou a partida. Balotelli e Nino Guerreiro marcaram para os mandantes. Yan Sasse e Maxi López fizeram para a equipe da Série A, que se classificou por ter a vantagem do resultado igual.

 

Após a eliminação no certame nacional, a Juazeirense volta suas atenções para o Campeonato Baiano. O Cancão de Fogo ainda não venceu na competição. O próximo desafio será contra o Jacuipense, no domingo (10), às 16h, no Valfredão, pela 5ª rodada do estadual.

 

Vale destacar que o jogo entre Juazeirense e Flu de Feira, pela 4ª rodada do Baianão, foi adiado para o dia 20 de fevereiro, por conta da partida da Copa do Brasil.

 

O JOGO

A Juazeirense iniciou a partida com tudo. Logo aos três minutos, Rogerinho enfiou linda bola para Hugo Freitas, o atacante saiu livre cara a cara com Fernando Miguel, mas chutou em cima do goleiro vascaíno. Um minuto depois, Rogerinho bateu colocado no canto, para mais uma boa defesa de Fernando Miguel.

 

O Vasco respondeu aos nove. Marrony chutou de fora da área, mas Douglas Pires rebateu. No rebote, Bruno César cruzou para Marrony cabecear e o zagueiro Emilio tirar em cima da linha. Na jogada seguinte, Lucas Mineiro apareceu livre e chutou em cima de Douglas Pires.

 

Vasco abre o placar

A pressão vascaína deu resultado. Aos 13, após blitz do clube carioca, Marrony rolou para Maxi López, o argentino chutou travado, mas no rebote, só rolou para Yan Sasse, que bateu livre para o fundo das redes.

 

Após o gol, o jogo caiu de rendimento. O Vasco só voltou a assustar aos 39. O autor do gol, Yan Sasse, recebeu na esquerda e chutou forte, mas o goleiro Douglas Pires fez grande defesa. A Juazeirense respondeu aos 42. O lateral-direito Ewerton cruzou, Gustavo Balotelli subiu mais que a defesa do Vasco e cabeceou firme, mas a bola foi no centro do gol e ficou fácil para Fernando Miguel defender.

 

Segundo tempo

Buscando a virada, a Juazeirense voltou com tudo e, logo aos 4 minutos, Hugo Freitas chutou no ângulo, mas Fernando Miguel fez mais uma grande defesa.

 

Juazeirense empata

Um dos estreantes da noite, o atacante Gustavo Balotelli brigou pela esquerda, ganhou de Cáceres, invadiu a área e chutou no cantinho, sem chances para Fernando Miguel, para empatar a partida aos cinco minutos.

 

Aos 16, o jogo precisou ser interrompido após problema nas torres de iluminação do Estádio Adauto Moreira.  A partida foi reiniciada 27 minutos depois.

 

Virada da Juazeirense

Aos 31, em cobrança de lateral jogada para área, Balotelli ganhou e foi puxado por Leandro Castán. Pênalti para Juazeirense, que Nino Guerreiro converteu.

 

Vasco empata em pênalti duvidoso

O árbitro Rafael Traci marcou um pênalti duvidoso para o Vasco aos 46 minutos. Sem nada a ver com isso, o argentino Maxi López converteu e classificou a equipe cruzmaltina.

 

FICHA TÉCNICA
Juazeirense x Vasco
Copa do Brasil – 1ª fase

Local: Estádio Adauto Moraes, em Juazeiro
Data: 06/02/2019 (quarta-feira)
Horário: 20h30 (horário de Salvador)
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Jefferson Cleiton Piva da Silva (PR)
Cartões amarelos: Bruno César e Leandro Castán (Vasco) / Emilio e Gustavo Balotelli (Juazeirense)
Gols: Yan Sasse e Maxi López (Vasco) / Gustavo Balotelli e Nino Guerreiro (Juazeirense)

 

Juazeirense: Douglas Pires, Ewerton (Maicon), Emilio, Emerson e Wallace; Waguinho, Patrik e Rogerinho (Katê); Hugo Freitas (Jacó), Nino Guerreiro, Gustavo Balotelli. Técnico: Aroldo Moreira.

 

Vasco: Fernando Miguel; Raul Cáceres, Werley, Leandro Castan e Danilo Barcelos; Andrey, Lucas Mineiro, Bruno César (Thiago Galhardo); Máxi Lopez, Marrony e Yan Sasse (Pikachu). Técnico: Alberto Valentim.