Ibovespa volta a subir diante de cenário eleitoral favorável a Bolsonaro

Foto: Hugo Arce / Fotos Públicas A bolsa registrou uma nova alta nesta quarta-feira (3) diante do cenário favorável a Jair Bolsonaro (PSL) nas pesquisas de intenção de voto para presidente. Segundo informações do Valor Econômico, o Ibovespa subiu 2,04%, chegando a 83.273 pontos, o maior índice desde 17 de maio deste ano. O montante … Leia Mais


Ilhéus: Estudante fica ferido após assaltante atirar em ônibus escolar

Um garoto ficou ferido após um assaltante atirar a janela de um ônibus escolar no distrito de Maria Jape, na cidade de Ilhéus, no sul da Bahia. Segundo informações policiais, o caso aconteceu por volta das 12h40 desta segunda-feira (1º), quando dois homens tentaram assaltar o transporte, que estava cheio de estudantes da rede municipal, e … Leia Mais





Juiz autoriza laudo de sanidade mental sobre agressor de Bolsonaro


Juiz autoriza laudo de sanidade mental sobre agressor de Bolsonaro

Foto: Divulgação

O juiz Bruno Savino, da 3ª Vara da Justiça Federal da Subseção Judiciária de Juiz de Fora (MG), autorizou a realização de um laudo de sanidade por um médico particular sobre Adélio Bispo de Oliveira, acusado por um atentado contra o candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL), no início do mês. Ele foi preso no dia do ataque e agora é objeto de investigação pela Polícia Federal. Bispo foi encaminhado a um presídio federal em Campo Grande (MS).

O laudo de sanidade mental preliminar foi solicitado pela defesa de Adélio Bispo de Oliveira. Os advogados pediram que o procedimento fosse realizado por médico da confiança deles e que houvesse suspensão do curso do processo. Também pleitearam que encontros ou conversas com o acusado tivessem a presença de algum dos advogados.

A defesa recorreu à possibilidade do laudo por médico particular depois que o juiz federal Bruno Savino negou a avaliação completa de saúde mental. O objetivo dos advogados é tentar justificar a necessidade do procedimento completo da saúde mental do acusado. Adélio Bispo assumiu o atentado. Em um dos depoimentos, afirmou que foi motivado por “Deus”.

Na decisão de hoje, o juiz federal Bruno Savino argumentou não ver “indícios da alegada insanidade”, citando como exemplo a lucidez demonstrada pelo acusado na audiência de custódia. Mas autorizou o laudo técnico “para subsidiar a decisão desse juízo acerca da instauração ou não de incidente de insanidade”. O juiz federal destacou que a medida é um procedimento preliminar, não sendo ainda a avaliação de saúde mental propriamente dita. Caso o juiz assim decida, abre-se de fato uma análise da condição médica do acusado. Neste caso, acusação e defesa serão chamadas a apresentar suas posições e indicar assistentes técnicos.

Bolsonaro foi atingido no dia 6 de setembro quando fazia campanha na cidade mineira. Em seguida, foi levado à Santa Casa do município, onde passou por cirurgia. Atualmente, Bolsonaro está em recuperação no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. O quadro do político é estável. (EBC)






Itapebi: Bebê de 4 meses morre e cinco pessoas ficam feridas após carro capotar


Itapebi: Bebê de 4 meses morre e cinco pessoas ficam feridas após carro capotar

Acidente aconteceu na madrugada desta quinta-feira (13), na cidade de Itapebi — Foto: Divulgação / Secretaria de Saúde de Alcobaça

Um bebê de quatro meses morreu e cinco pessoas ficaram feridas após um carro capotar na BR-101, na cidade de Itapebi, no sul da Bahia, na madrugada desta quinta-feira (13). De acordo com a PRF, Isadora Silva Santiago, de quatro meses, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O bebê fazia acompanhamento na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Salvador e costumava fazer a viagem uma vez por mês. Segundo a PRF, todos os feridos foram socorridos pelo Samu e levados para o Hospital Regional de Eunápolis. O carro era alugado pela Prefeitura de Alcobaça e transportava moradores da cidade para fazer tratamentos de saúde em Salvador. De acordo com a Secretaria de Saúde de Alcobaça, entre os feridos está uma criança de três anos, que teve ferimentos graves, mas tem estado de saúde estável. A mãe dela, identificada como Maíra Almeida dos Santos, foi internada em estado grave. A mãe da bebê que morreu, identificada como Daiane Silva Santiago, também teve lesões graves, mas tem estado de saúde estável. As outras duas pessoas feridas foram identificadas como Pâmela Said de Souza e Cleverson Ferreira da Conceição, motorista do carro, tiveram ferimentos leves. A Secretaria de Saúde de Alcobaça informou que mandou um assitente social e funcionários da prefeitura para prestar apoio aos acidentados. Segundo a PRF, o motorista do veículo disse a agentes que o acidente aconteceu por volta de 1h, no km 653, após ele desviar para o acostamento quando duas carretas fizeram uma ultrapassagem. O corpo de Isadora Santiago foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Eunápolis. Não há informações sobre o sepultamento da criança. (G1 Bahia)


Após cirurgia, filho diz que Jair Bolsonaro é ‘forte como um cavalo


Após cirurgia, filho diz que Jair Bolsonaro é ‘forte como um cavalo’

Foto: Twitter/Flávio Bolsonaro

Os filhos de Jair Bolsonaro, Carlos e Flávio comemoraram em publicações no Twitter o sucesso da operação de emergência realizada pelo candidato do PSL à Presidência na noite de 4ª feira (12.set.2018). A cirurgia foi bem sucedida e Bolsonaro passa bem. Segundo o vereador do Rio, Carlos Bolsonaro, a noite foi “delicada, mas 100% contornada“. “O velho é forte como um cavalo, não é a toa que seu apelido de Exército é “cavalão”, disse. Outro filho do militar, o deputado estadual e candidato a senador Flávio Bolsonaro disse que a cirurgia acabou bem e que o pai está “literalmente dando seu sangue” pelo país. (Poder360)

Carlos Bolsonaro

@CarlosBolsonaro

Médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e técnicos de enfermagem; estou vendo de perto o trabalho dessas pessoas desde o início e só temos a agradecer! Noite delicada, mas 100% contornada. O velho é forte como um cavalo, não é a toa que seu apelido de Exército é “cavalão”!


Eleições 2018 serão auxiliadas por mais de 26 mil militares


Eleições 2018 serão auxiliadas por mais de 26 mil militares

Mais de 26 mil militares irão garantir a segurança das eleições de 2018, informa o Ministério da Defesa. Até agora, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já permitiu a presença das Forças Armadas em 370 localidades de sete estados: Acre (11 localidades); Ceará (5); Maranhão (72); Mato Grosso do Sul (4); Piauí (112); Rio de Janeiro (69) e Rio Grande do Norte (97). Além disso, as tropas irão ajudar na logística do pleito, por meio do transporte de funcionários e urnas, em cinco estados: Acre (41 localidades); Amazonas (25); Amapá (5); Mato Grosso do Sul (97) e Roraima (26). Quando desempenham auxílio logístico, os militares são sempre acompanhados por servidores da Justiça Eleitoral. A presença dos militares tem como objetivos assegurar a normalidade da votação e da apuração dos resultados. A solicitação da presença é feita pelos tribunais regionais eleitorais e avaliada pelo TSE, que pode a liberar até o dia das eleições. Posteriormente, a corte superior encaminha as liberações para o Ministério da Defesa. Com informações do Portal Brasil.