Itamaraju: Ex-prefeito é multado por contratar empresa sem licitação

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) multou em R$7 mil o ex-prefeito de Itamaraju, Manoel Pedro Rodrigues Soares, por irregularidades na contratação da empresa Cunha Lopes Locação e Construção. Na sessão desta terça-feira (3), o relator do processo, conselheiro Fernando Vita, também recomendou a formulação de representação ao Ministério Público para que se apure … Leia Mais


Uruçuca: Caminhão que transportava alunos tomba e deixa um morto e feridos

Um caminhão que transportava estudantes tombou e deixou uma pessoa morta e outras feridas agora há pouco no município de Uruçuca, região sul da Bahia. A informação foi divulgada pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE). O acidente ocorreu próximo ao distrito de Serra Grande. Ainda não há informações sobre as circunstâncias do tombamento, mas testemunhas informam que … Leia Mais



Em caso de renúncia de ACM Neto, Bruno Reis pode tomar posse já na segunda-feira


O prefeito ACM Neto ainda não anunciou se vai ser candidato ao governo do estado este ano, mas os trâmites burocráticos no caso de renúncia já estão sendo planejados pelas pessoas responsáveis pelo processo. Segundo informações apuradas pelo Bahia Notícias, o vice-prefeito Bruno Reis pode tomar posse como chefe do Palácio Thomé de Souza já na próxima segunda-feira (9) pela tarde. A Lei Orgânica do Município (LOM) determina que a Câmara de Vereadores precisa ler a carta de renúncia do prefeito, declarar a vacância do cargo e convocar a sessão solene para a posse do novo ocupante do posto. Esses passos podem ser cumpridos durante sessão ordinária do Legislativo na segunda, convocando a sessão solene da posse para poucas horas depois. A decisão de ACM Neto também pode alterar o funcionamento do Legislativo durante o fim de semana. A Casa já organiza um “plantão” para o caso de o prefeito divulgar sua candidatura ao governo no próximo sábado (7). A Câmara precisa receber a carta de renúncia e publicar o documento em uma edição extra do Diário Oficial do Legislativo (DOL). A Lei Orgânica não obriga que esse procedimento aconteça no mesmo dia da renúncia, mas é isso o que deve acontecer caso o prefeito faça o anúncio do seu futuro político no último dia permitido pela Justiça para deixar a gestão municipal. (por Guilherme Ferreira – BN)





Barreiras: Ciclista morre após ser atingido por ambulância do Samu


Foto: Reprodução / Sigi Vilares

Um ciclista morreu após ser atingido por uma ambulância do Samu em Barreiras, na Bacia do Rio Grande, oeste baiano, na noite desta segunda-feira (2). Segundo o Blog do Sigi Vilares, a vítima, identificada como Dinoelson Carlos Domingues, trafegava com a bicicleta na Avenida José Bonifácio, no bairro Vila Dulce, por volta das 19h50, quando foi atingido. Ainda conforme o Blog, a equipe do Samu se deslocava para socorrer uma vítima de atropelamento, com o giroflex ligado, quando o cilcista teria passado pela frente do veículo. A mesma equipe do Samu socorreu o ciclista até o Hospital do Oeste, mas a vítima não resistiu aos ferimentos. O acidente com vítima fatal foi o primeiro com o Samu em oito anos de atuação na cidade. (BN)





PF cumpre mandados de prisão em combate a corrupção em cartório na Bahia


A Polícia Federal cumpre quatro mandados de prisão na manhã desta terça-feira (3), na Operação Factum, que visa reprimir crimes de corrupção praticados no Cartório do 1º Ofício de Registro de Imóveis e Hipotecas da cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano. De acordo com o G1, são três mandados de prisão temporária e um de prisão preventiva. Também são oito mandados de busca e apreensão, além de medidas cautelares diversas, nas cidades de Vitória da Conquista e Salvador. Cinquenta e sete policiais federais participam da operação. (BN)





Carro pega fogo após batida e mulher morre na Bahia


                                                          Acidente ocorreu na manhã desta segunda-feira (2), na BA-052, região da Chapada Diamantina.

Uma mulher morreu em um acidente ocorrido na BA-052, trecho perto da cidade de Piritiba, na região da Chapada Diamantina, na Bahia, nesta segunda-feira (2)..

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), a batida ocorreu no trecho do povoado de Porto Feliz, por volta das 6h40.

Segundo a polícia, Isabela Bastos Carvalho seguia para Salvador quando perdeu o controle da direção e bateu o carro no canteiro central. Com o impacto, o veículo pegou fogo. Isabela ficou presa às ferragens. Ela morreu no local.

Outras duas pessoas que estavam no carro ficaram feridas e foram levadas para um hopital de Piritiba. O estado de saúde delas não foi informado.





Mulher é condenada na Bahia por comparar vizinho a ʹadvogado de Lulaʹ


Mulher é condenada na Bahia por comparar vizinho a ʹadvogado de Lulaʹ

Uma briga de condomínio em Lauro de Freitas, na Bahia, terminou no tribunal.  Após acusar vizinhos de impedirem o cumprimento de uma ordem judicial e comparar os colegas com “advogados de Lula”, uma mulher foi condenada a 8 meses de prisão.  “[O pai] Veio falar na nossa cara: ‘eu tenho poder’. (…) Que é outra coisa que eu nunca vou esquecer. Uma pessoa que enche a boca para dizer que tem poder. (…) Oh, meu querido, não fica dando uma de advogado de Lula, não, tá? (…) Porque nós entramos na Justiça contra isso, e sua mãe e seu pai deram um jeitinho para que a coisa não acontecesse”, declarou a mulher em áudios enviados para o grupo, que tem mais de 200 integrantes, segundo o Conjur.

A família então apresentou queixa-crime contra a autora das mensagens, argumentando que ela praticou calúnia ao lhes imputar os crimes de desobediência e tráfico de influência. Em sua defesa, a mulher sustentou que a ordem de corte da árvore realmente foi descumprida e que comparou o filho ao advogado de Lula porque ele não estava respondendo aos questionamentos que ela fazia.
O juiz de primeira instância absolveu a ré. Já a relatora do caso no TJ-BA, juíza Eliene Simone Silva Oliveira, afirmou que a vizinha imputou, sim, fato criminoso aos vizinhos quando disse que um deles tinha poder e, por isso, não retirou o pinheiro. A juíza também considerou ofensiva a comparação do filho aos advogados de Lula, “sabidamente envolvido em escândalos, em especial, tráfico de influência e corrupção”.

Dessa maneira, Eliene concluiu que a vizinha praticou calúnia por acusar a família de tráfico de influência. Como as declarações foram feitas em grupo de WhatsApp com mais de 200 pessoas, a pena deveria ser aumentada em um terço, entendeu a julgadora. Como a ré é primária e tem bons antecedentes, a juíza decidiu substituir sua pena de 8 meses de reclusão pela prestação de serviços à comunidade. O entendimento da relatora foi seguido pelos demais integrantes da 5ª Turma Recursal. (Metro1)