Sedes de associação de PMs são Alvos de operação do MP e são interditadas na BA

Alvos de operação do MP, sedes da Aspra na Bahia foram interditadas após determinação da Justiça na manhã desta quarta-feira (16) — Foto: Alberto Maraux/Divulgação Todas as sedes da Associação dos Policiais e Bombeiros Militares e seus Familiares (Aspra) na Bahia foram interditadas na madrugada desta quarta-feira (16), após determinação da Justiça baiana. Os locais … Leia Mais





Mais de 20 mil mortes são registradas em acidentes de trânsito nos últimos 10 anos na Bahia


Bahia registra mais de 20 mil mortes em acidentes de trânsito nos últimos 10 anos — Foto: Divulgação/PRF

A Bahia registrou 24.479 mortes em acidentes de trânsito, entre 2009 e 2018, segundo informações da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Conforme o órgão, o número é maior que a população de 287 cidades baianas, como Laje, Uauá e Coração de Maria.

De acordo com a Sesab, até outubro deste ano, foram registrados 1.481 óbitos causados por acidentes de trânsito. Além disso, a secretaria destaca que cerca de 40% das internações hospitalares no estado são por causa de acidentes, na maioria das vezes envolvendo motocicletas.

A Bahia foi o primeiro estado do Brasil a incluir os acidentes de trânsito na lista de doenças de notificação compulsória (obrigatória), para interesse de saúde pública, em novembro de 2017.

Segundo informações da Sesab, entre 1° de janeiro e 8 de outubro de 2017, foram registrados 16.822 vítimas de acidente de trânsito, média superior a 59 casos por dia. O órgão de saúde informou que segundo os dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinam), 75,1% das vítimas eram homens e 57,1% deles tinham entre 20 e 39 anos.

  Segundo a Sesab, no Brasil, estimativas calculam em cerca de R$ 50 bilhões ao ano os gastos com acidentes de trânsito — Foto: Edivaldo Braga/Blogbraga

Ainda de acordo com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia, no Brasil, estimativas calculam em cerca de R$ 50 bilhões ao ano os gastos com os acidentes de trânsito. No cálculo, o órgão leva em conta atendimento médico-hospitalar, seguros de veículos, danos a infraestruturas e perda ou roubo de cargas.

Na Bahia, entre 1° de janeiro de 2015 e 4 de outubro deste ano, as despesas com internação hospitalar custaram R$ 50 milhões ao Sistema Único de Saúde (SUS). O montante não contabiliza medicamentos, fisioterapias, órteses e próteses, o que multiplicaria o valor em mais de 10 vezes.

(G1/BA)


Fortaleza: Prédio residencial desaba em área nobre e deixa ao menos um morto


                                                               Foto: Reprodução / Cinthia Freitas / G1 Foto: Reprodução / Cinthia Freitas / G1

 

Um prédio residencial desabou, na manhã desta terça-feira (15), no bairro Dionísio Torres, área nobre de Fortaleza. Ainda não há informações sobre o número de feridos ou mortos, de acordo com G1.

Logo após o ocorrido, muitos moradores saíram correndo de dentro do condomínio. Algumas pessoas que passavam pelo local e que sofreram ferimentos foram encaminhadas para algumas clínicas próximas ao prédio.

Segundo informações de moradores do bairro, o prédio tinha sete andares, incluindo a cobertura. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada ao local. Duas ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também estão no local.

O Corpo de Bombeiros trabalha com hipótese de vazamento de gás no local. De acordo com O Povo Online, helicóptero do Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) tenta pousar para resgatar vítimas gravemente feridas. Não há ainda informações de pessoas mortas.

Conforme policiais militares, há vítimas conscientes nos escombros do prédio, inclusive se comunicando com socorristas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, uma pessoa morreu no acidente. Outro morador foi resgatado com vida e levado a uma unidade hospitalar (Bahia Noticias)


Veículo cai em ribanceira e fere 7 pessoas da mesma família em Rio de Contas


                                                                                      Foto: Reprodução / Achei Sudoeste

Sete pessoas da mesma família ficaram feridas quando um carro onde estavam capotou na noite desta segunda-feira (14) em um trecho da BA-148 em Rio de Contas, na Chapada Diamantina. Conforme o Achei Sudoeste, a suspeita é que o motorista do veículo, Toyota SW4, perdeu a direção no trecho conhecido como “Curva do S” e capotou, caindo em uma ribanceira.

Os ocupantes do veículo, cinco adultos e duas crianças, foram socorridos pelo Samu para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Livramento de Nossa Senhora, município vizinho a Rio de Contas. Não há mais informações sobre o estado de saúde deles. O grupo mora no distrito de Itanagé, zona rural de Livramento de Nossa Senhora. (Bahia Noticias).