Prefeitura de São Felipe anuncia construção de Posto de Saúde

Os trabalhos e ações que visam qualificação dos atendimentos do SUS e melhorias estruturais nas unidades de saúde em São Felipe avançam a cada dia. A Prefeitura, através da Secretaria de Saúde, acaba de anunciar a aprovação do projeto que garante a construção da sede própria da Unidade de Saúde da Família Manoel Cardoso. Cadastrado … Leia Mais


Comunidade escolar de Santo Antônio de Jesus participa de atividades sobre a Base Nacional Comum Curricular


Como parte da escuta para a construção da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e do Currículo Bahia, técnicos da Secretaria da Educação do Estado estão promovendo o projeto ‘Faz Sentido’, nos Territórios de Identidade da Bahia. Nesta semana, a iniciativa mobilizou a comunidade escolar do Colégio Estadual Francisco da Conceição Menezes, em Santo Antônio de Jesus (a 190 km de Salvador), na Região Metropolitana.

A ação acontece por meio de rodas de diálogo com os agentes de Educação nos municípios sedes dos Núcleos Territoriais de Educação (NTE). O objetivo é a escuta dos estudantes, professores, das famílias, da comunidade e dos gestores escolares sobre a escola e o que buscam para a Educação. A diretora de Educação e suas Modalidades da Secretaria da Educação do Estado, Thamires Vasconcelos, falou sobre a metodologia do trabalho. “Dividimos esta fase em blocos, quando conversamos sobre questões que vão desde a estrutura física até as relações no ambiente escolar, passando pela aprendizagem, onde discutimos sobre a necessidade de abordar questões como gênero, diversidade, inclusão social e acessibilidade. Também falamos sobre os sentidos e emoções e questões extramuros”, relatou.

De acordo com a diretora da unidade, Joelma Nunes, a atividade contribuiu para o planejamento das atividades na escola.  “Conversamos sobre o nosso cotidiano escolar, a estrutura da unidade e os métodos pedagógicos que são utilizados para a formação cidadã dos nossos estudantes”, pontuou. O estudante Antônio Cleisson Almeida, 18, 2º ano, também falou sobre a oportunidade do diálogo. “Foi uma bela oportunidade de falar sobre meu ponto de vista em relação ao ambiente escolar e da minha relação com colegas e professores”, afirmou. – ASCOM


Chefe da SSP-BA, Maurício Barbosa defende legalizar maconha para ‘quebrar’ o tráfico


Chefe da SSP-BA, Maurício Barbosa defende legalizar maconha para 'quebrar' o tráfico

O secretário da Segurança Pública da Bahia, Maurício Teles Barbosa, afirmou ser favorável à legalização da maconha no Brasil como forma de “quebrar” o faturamento das quadrilhas, principalmente em estados do Nordeste. Em entrevista ao portal UOL, ele disse que a questão do tráfico de drogas deve ser encarada como uma atividade econômica. “Se eu tenho de 80% a 90% do volume de recursos oriundos da maconha, por que a gente não pensa numa forma de abraçar esses usuários? Eu não sou a favor da droga, é importante que se diga isso, mas eu também não sou a favor de que as pessoas continuem morrendo. Policiais continuem morrendo. Os usuários, os dependentes químicos continuem morrendo e não se chegue a uma resolução de absolutamente nada”, disse. Sem mencionar números da pasta, Barbosa diz ver no comércio ilegal de entorpecentes um dos fatores para a explosão de homicídios nas grandes capitais. (BN)


Samu terá suporte de resgate com helicóptero em casos de urgência


Samu terá suporte de resgate com helicóptero em casos de urgência

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência de Salvador (Samu) ganhou apoio de um helicóptero para resgate aeromédico de casos graves em Salvador e Região Metropolitana (RMS). Disponível desde fevereiro, a novidade já realizou o primeiro resgate de uma vítima de acidente automobilístico no município de Candeias. Segundo o secretário da Secretaria Municipal de Saúde, José Antônio Rodrigues Alves, a inclusão da aeronave ocorreu a partir do convênio firmado entre a prefeitura de Salvador e a Polícia Rodoviária Federal da Bahia (PRF-BA). “A implantação da operação de resgate aéreo reduzirá substancialmente o tempo resposta das ocorrências, sobretudo, dos acidentes de trânsito mais graves e os chamados provenientes das ilhas que até então eram feitos apenas com o auxílio da lancha, que depende muito das condições marítimas para operar”, disse. A aeronave, assim como o serviço de ambulância, estará disponível através do telefone 192. A equipe médica reguladora ficará responsável pela avaliação da ocorrência e solicitação do helicóptero em casos de urgência. (Bahia.Ba)


TRF4 julga recursos de Lula nesta segunda-feira


TRF4 julga recursos de Lula nesta segunda-feira

                                                                                                                                  Foto: Miguel Schincariol / AFP

O Tribunal Regional Federal da 4ª. Região (TRF4) julga, nesta segunda-feira (26), o recurso da defesa do ex-presidente contra a decisão da 8ª Turma, que confirmou a decisão do juiz federal Sérgio Moro. Lula foi condenado por Moro a nove anos e seis meses, mas teve a punição ampliada pelo tribunal para 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no final de janeiro. Se mantida a decisão da 8ª Turma do TRF4, Lula poderá ser preso, caso o Supremo Tribunal Federal (STF) rejeite o habeas corpus no dia 4 de abril. (Bahia.Ba)


Boletos vencidos acima de R$ 800 poderão ser pagos em qualquer banco


Boletos vencidos acima de R$ 800 poderão ser pagos em qualquer banco

A partir deste sábado (24/03), os boletos vencidos de valor igual ou acima de R$ 800 poderão ser pagos em qualquer agência bancária, anunciou a Febrabran (Federação Brasileira de Bancos). A mudança se deve ao fato de esses boletos passarem a trafegar pela Nova Plataforma de Cobrança, desenvolvida pela entidade em parceria com a rede bancária, para processamento das informações de pagamento. O novo sistema permite que os pagamentos sejam feitos sem erros nos cálculos de multas e encargos. “A Nova Plataforma reduz a inconsistência de dados e evita pagamento em duplicidade”, diz Walter Tadeu de Faria, diretor adjunto de operações da Febrabran, em comunicado. Os bancos já tinham liberado parcialmente o recurso em julho do ano passado, quando passaram a ser processados boletos a partir de R$ 50 mil. Mais tarde, em setembro, foi a vez dos boletos de valor igual ou acima de R$ 2 mil. O cronograma inicial previa que o sistema passasse a registrar todos os boletos a partir do fim de 2017. Segundo a Febraban, no entanto, “foi necessária uma adaptação para garantir a segurança e a tranquilidade no processamento, em função do elevado número de documentos”.