‘Semana do MEI’ oferece 16 mil vagas de capacitação em 107 municípios

A 9ª edição da Semana do Microempreendedor Individual (MEI), que acontece este ano, entre os dias 14 e 19 de maio, pretende oferecer 16,9 mil vagas de capacitação em 107 municípios baianos. As inscrições para as oficinas, palestras e seminários sobre marketing, planejamento, acesso a crédito e oportunidades de negócios são gratuitas e já estão abertas no … Leia Mais



Adab abre 17 vagas de emprego para médicos veterinários

A Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) está com 17 vagas de emprego abertas para médicos veterinários. As inscrições poderão ser realizadas através da internet entre os dias 29 de janeiro e 2 de fevereiro. Serão oferecidas vagas para as seguintes cidades baianas: Vitória da Conquista, Brumado, Eunápolis, Santa Maria da Vitória, Irecê, Jacobina, Luís Eduardo … Leia Mais


Inscrição para 1.000 vagas na Polícia Civil começa em 1º de fevereiro

As inscrições para o concurso público que oferece 1.000 vagas na Polícia Civil da Bahia começam às 10h (horário de Brasília) do próximo dia 1º e seguem até 2 de março. Para participar, os candidatos devem acessar o site da Fundação para o Vestibular da Universidade Júlio de Mesquita Filho – Fundação Vunesp. As inscrições … Leia Mais


Como lidar com um recrutador arrogante na entrevista?

São Paulo – Se a entrevista de emprego já é, por excelência, um momento de ansiedade para o candidato, quando o recrutador é arrogante, a situação fica ainda mais estressante. Adriana Gomes, consultora de carreira, dá a dica para lidar com entrevistadores difíceis, em mais um dos vídeos de carreira:


GM prorroga lay-off de 750 em São Caetano do Sul


size_810_16_9_dinpv1

A General Motors (GM) em São Caetano do Sul, no Grande ABC, vai prorrogar até março o lay-off de cerca de 750 funcionários, que se encerraria no fim deste ano. A informação foi divulgada hoje (24) pelo Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano do Sul.

A medida foi adotada após negociação dos sindicalistas com a montadora. “O que o sindicato está fazendo é no sentido de preservar o emprego”, afirmou o secretário-geral da Força Sindical, João Carlos Gonçalves.

Procurada, a GM não ainda respondeu aos contatos da Agência Brasil.

Com o lay-off, o contrato de trabalho é suspenso por até cinco meses, mas o empregado continua recebendo o salário, pago em parte pela empresa e em parte pelo governo federal. Em caso de prorrogação, a empresa custeia integralmente os vencimentos.

Em outubro, a empresa já havia anunciado a suspensão do segundo turno de trabalho na unidade até março. Na ocasião, mais 1,6 mil funcionários da fábrica também foram colocados em lay-off previsto para terminar no terceiro mês de 2016. A outra parte dos funcionários está com contrato suspenso desde maio, com prorrogação de três meses feita em outubro.

Segundo João Carlos Gonçalves, as empresas estão preferindo evitar demissões por acreditarem em uma retomada da atividade econômica no próximo ano. “As pessoas estão apostando que, com a mudança na economia, possam, já no ano que vem, retomar a produção.”

De janeiro a novembro, houve queda de 25,2% nas vendas de veículos novos em relação ao mesmo período de 2014. Segundo o último balanço divulgado pela Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), foram licenciados 2,34 milhões de unidades nos últimos 11 meses, contra 3,12 milhões no mesmo período do ano passado.