Jovem de 21 anos é baleado em frente à casa da sogra em Maragogipe

A vítima, identificada como Vinícius da Conceição dos Santos, 21 anos, informou que estava em frente à casa de sua sogra com mais dois amigos. Na noite do último sábado (12), o Centro Integrado de Comunicação da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia registrou uma tentativa de homicídio no Recôncavo baiano. Segundo relato, … Leia Mais





Carga ilegal de cigarros de quase R$ 2 milhões é apreendida em Vitória da Conquista


Carga ilegal de cigarros de quase R$ 2 milhões é apreendida em Vitória da Conquista

 Foto: divulgação/PRF

Quatrocentos mil maços de cigarros de origem estrangeira e importação proibida foram apreendidos na noite da última segunda-feira (7/1), na BR 116, na altura do município de Vitória da Conquista. A carga é avaliada em quase R$ 2 milhões. O material contrabandeado foi descoberto pelo Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no pátio de um posto de combustível, após uma denúncia de que havia um motorista com atitude suspeita no local. Durante as fiscalizações, uma pessoa que estava próxima ao veículo, ainda não identificada, fugiu para o matagal na beira da estrada. As oito milhões de unidades de cigarro e os caminhões que transportavam a carga foram apresentados a Receita Federal e a Polícia Federal. (Aratu online)





Professora baiana acusa polícia da Espanha de racismo após ser impedida de entrar no país


Foto: Reprodução/TV Santa Cruz

Uma professora baiana acusa a polícia da Espanha de racismo e violação dos direitos humanos, após ser deportada e impedida de entrar no país, em dezembro de 2018. O caso aconteceu quando Stella da Silva Lima foi passar as férias e o fim de ano com familiares, que moram na região da Cantábria. Stella foi recebida por uma equipe da Polícia de Fronteira da Espanha, no Aeroporto de Madrid, no dia 26 de dezembro. A mulher foi questionada sobre a forma que conseguiria passar os 30 dias no país. “Eles não aceitavam minhas justificativas. Eu não era considerada turista desde o primeiro momento. Eu fui tratada como criminosa desde o primeiro momento na Espanha”, disse Stella da Silva. A professora alega que mesmo com o passaporte, passagens de volta compradas, dinheiro trocado para o euro, seguro de viagem feito e uma carta convite feita pelo cunhado, que é espanhol, ela foi barrada. Stella suspeita que foi impedida pela funcionária da polícia por conta de racismo. A professora informou que a espanhola não acreditou quando ela informou que era funcionária pública. “Eu disse, eu sou funcionária pública, eu trabalho para o governo da Bahia, eu sou professora. E ela me indagou. Se você trabalhasse para o governo, você saberia que essa carta não é válida. Aí eu falei para ela: ‘como assim trabalhasse para o governo, e por que essa carta não é válida’? É uma carta muito bem escrita, ela tem todas as informações”, contou Stella. “Falando sempre muito alto, ela me disse, saia da fila e espere ali do lado que você vai passar por outra entrevista”, completou a professora. Mesmo após tentar comprovar que estava apta a entrar na Espanha, Stella foi impedida. A baiana voltou para Ipiaú no dia 29 de dezembro. Por conta da forma em que foi tratada, Stella Silva não pretende mais fazer viagem para o continente europeu. “Eu nunca imaginei que fosse passar por algo semelhante. É muito difícil pensar em voltar a Europa. Porque foi um pesadelo o tempo que eu estive lá”, lamentou a professora. A baiana contratou o advogado brasileiro, Manoel Campos, especializado em direito internacional e uma defensora pública espanhola para buscar os direitos dela. Uma denúncia será feita no Ministério das Relações Exteriores e no Itamarati. “Não há uma justificativa plausível para que ela tenha sido barrada, o que nos leva a entender que houve uma violação dos direitos e um preconceito”, disse Manoel Campos. “Vamos denunciar perante o Ministério das Relações Exteriores, perante o Itamarati, para que nos explique a razão pelo qual um nacional está dentro de um país estrangeiro, onde tem um consulado e não pode contar com este serviço, com essa instituição. Fica à mercê, que foi o que aconteceu com ela”, explicou o advogado brasileiro. A defensora pública espanhola afirmou que todas instâncias judiciais estão sendo comunicadas para entender os motivos do deportação de Stella.  “Nós também temos uma queixa pendente que formulamos no Escritório Defensor do Povo, pois acreditamos que é importante que esse escritório se pronuncie sobre a atuação policial que Stella sofreu, já que Stella reunia todos e cada um dos requisitos para poder entrar na Espanha e aproveitar os dias que tinha de férias e de fim de ano”, disse a defensora espanhola. O Ministério das Relações Exteriores da Bahia informou que ainda não foi comunicado sobre o caso de Stella da Silva. Segundo o órgão, as medidas cabíveis serão tomadas após a queixa. (G1 Bahia)





Prefeitura de Conceição do Coité convoca aprovados em concurso público para auditor fiscal e professor


Os candidatos aprovados no concurso público da Prefeitura de Conceição do Coité, a cerca de 210 km de Salvador, foram convocados nesta terça-feira (8), a partir de publicação no Diário Oficial do Município. A lista dos selecionados pode ser encontrada no DO, ou no site da própria prefeitura. Ao todo foram 57 pessoas, que vão ocupar um cargo de auditor discal tributário e outras 56 vagas de professor da Educação Infantil e Anos Iniciais, da sede e distritos da cidade. Os aprovados apresentar os documentos exigidos no edital de inscrição para a nomeação e posse, no prazo de cinco dias. Eles devem procurar o departamento de Recursos Humanos da Secretaria Municipal de Administração e Desenvolvimento, das 8h às 12h e das 14h às 17h. (G1)





São Felipe BA: Ex-vereador Bibi Neiva, entrega maquina agrícola a comunidade rural


O ex-vereador Almir Albo “Bibi Neiva”, entregou na manhã deste sábado (05/01), um trator com vários implementos agrícola, que irá ajudar muito no desenvolvimento das regiões de Riachão do Lázaro, Andaia da Pitinga, Cana Brava, Bate Quente e demais comunidade nas adjacências.

O Ex-vereador Bibi Neiva, falou sobre sua luta em prol do município, e destacou que está fazendo tudo isso sem nenhuma intenção politica. “Não sou candidato a nada em 2020, faço por amor a minha terra, enquanto Deus me disponibilizar forças e oportunidades, estarei lutando por melhores dias para São Felipe”, pontuou ele.

O presidente da Associação do Riachão do Lazaro, João de Deus, falou sobre a importância deste Trator para a comunidade, e agradeceu ao ex-vereador Bibi Neiva, o deputado Felix Mendonça, pela emenda e a Secretária da Seagri/BA, Andreia Mendonça, pela destinação deste equipamento para a comunidade.

Ana Rita, vice-presidente da Associação do Riachão do Lázaro, fala sobre a chegada do Trator para comunidade, e destaca o compromisso assumido pelo ex-vereador Bibi Neiva com a comunidade. “Prometeu e cumpriu, isso mostra que ele é um homem de palavra”, destacou ela.

Vagner, filho e morador da comunidade do Riachão do Lázaro, foi o responsável pela intermediação entre Bibi Neiva e a Associação do Riachão do Lázaro, no dialogo com a Secretaria de Agricultura da Bahia.

Miguel, morador da comunidade, foi o mais contagiado com a conquista, inclusive ele foi o primeiro a ver o trator, que estava em uma exposição da Fenagro 2018, a qual ele participou junto com os representantes do STR (Sindicato dos Trabalhadores Rurais), e lá Bibi Neiva que é o responsável pelo Parque de exposição, apresentou o equipamento a ele.




Posted by JC Repórter on Saturday, January 5, 2019