Distrito quilombola de Aramari vai receber 15 unidades habitacionais


A expectativa é grande no distrito quilombola Olhos D’Água, em Aramari, no Território Rural Litoral Norte e Agreste Baiano. Nesta quinta-feira (21), o governador Rui Costa autorizou a assinatura da ordem de serviço para a construção de 15 unidades habitacionais  na localidade.

A ação, com investimento de R$690 mil, será executada pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa vincula à  Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), em parceria com a Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), por meio do  Programa de Desenvolvimento Sustentável de Povos e Comunidades Tradicionais.

De acordo com o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, a iniciativa busca  melhorar as condições  de moradia de famílias  que historicamente  tiveram dificuldades e, por isso, esse resgate tem sido importante: “O governo estadual está investindo nas habitações das comunidades  quilombolas  para que elas possam desenvolver  um conjunto de atividades produtivas e melhorar a renda e a qualidade de vida.  As pessoas terão mais dignidade e moradias dignas, para que possam depois avançar em outros campos para melhorar a produção e a segurança alimentar da família”.

Na comunidade, há casas de taipas que serão substituídas por casas de dois quartos, sala, banheiro e cozinha, com metragem total de 44,78 metros quadrados. Além disso, possui solução de água por meio de cisterna de consumo e energia elétrica.

O agricultor Jurandir Jesus dos Santos é um dos beneficiados. Ele mora em uma casa de taipa, junto com 16 pessoas, sendo a esposa, Maria da Paz Jesus,13 filhos e dois netos. “A gente vive da roça e ganhar essa casa é muito bom, inclusive porque vem uma cisterna junto. Temos dificuldades de água. Estamos muito felizes”, celebrou. Ascom.