Nazaré das Farinhas: Prefeitura anuncia fechamento de comércio e indústria; ‘delivery’ é permitido


A prefeitura de Nazaré, no Recôncavo Baiano, publicou um decreto, nesta sexta-feira (3), determinando o fechamento imediato de todos os estabelecimentos comerciais, industriais e de prestação de serviço, exceto aqueles considerados essenciais. A decisão é motivada pelo avanço da pandemia do novo coronavírus na Bahia.

A decisão inclui ainda clubes recreativos, academias, bares e restaurantes, que podem funcionar apenas com entrega a domicílio (delivery) ou disponibilizar a retirada dos produtos no local, para consumo fora do estabelecimento. Em caso de descumprimento, o alvará poderá ser cassado pela prefeitura.

Entre os estabelecimentos considerados essenciais no decreto, estão supermercados, agências bancárias, farmácias, distribuidoras de gás, revendedoras de água mineral, postos de combustíveis, borracharias, funerárias e pet shops.

Segundo a prefeitura, os comércios permitidos devem limitar o acesso do público a até três pessoas por vez, orientado-as a manter a distância de dois metros umas das outras.

O novo decreto da prefeitura de Nazaré aprofunda as medidas tomadas na publicação anterior, na última terça-feira (31). Naquela oportunidade, a gestão municipal decidiu limitar o funcionamento do comércio local ao turno matutino, das 8h às 12h de segunda a sexta.

Nazaré ainda não possui nenhum caso confirmado da Covid-19. (BN)