JC Repórter

Fiocruz cria teste rápido para diagnosticar pacientes com novas cepas do coronavírus

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) desenvolveu um teste de RT-PCR capaz de identificar novas variantes do coronavírus em tempo real. O exame consegue detectar as mutações brasileira, descoberta em Manaus, da África do Sul e do Reino Unido, segundo a coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo.

 

Isso agiliza a identificação de pessoas infectadas com essas novas variantes, que são mais contagiosas. De acordo com a publicação, sem esse teste, é necessário sequenciar o vírus, o que demanda alguns dias antes de se obter um resultado. (BN) Leia mais.


Curta e Compartilhe.


Leia Também