JC Repórter

Governador do AM sobre falta de oxigênio no estado: ‘Estamos vendendo almoço para comprar janta’

Wilson Lima, governador do Amazonas (Foto: Diego Peres/Secom)
A falta de oxigênio no Amazonas está deixando a situação do estado cada vez mais grave. Os cilindros que chegaram na terça-feira (12), segundo o governador Wilson Lima (PSC), foram imediatamente utilizados, zerando a reserva em questão de horas.

“Estamos vendendo o almoço para comprar a janta”, disse à coluna Painel, da Folha de S.Paulo. Segundo ele, ainda deve demorar uma semana para a situação ter mínima melhora, quando espera construir miniusinas para produção de oxigênio. “O que chega substitui outro que está acabando, não dá tempo de guardar”, afirmou.

Vivenciando o segundo colapso do estado na pandemia do novo coronavírus, o governador se defendeu e declarou que sua gestão se preparou para “todos os cenários”, abriu dezenas de leitos, mas não contava com a falta de oxigênio.

Segundo ele, as fornecedoras locais comunicaram que não teriam mais como produzir os equipamentos diante da alta demanda. (bahia.ba)


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também